Governo de Moçambique vai proceder a uma emissão interna de dívida

13 August 2012

O governo de Moçambique vai emitir Obrigações do Tesouro no montante de 3150,1 milhões de meticais (113 milhões de dólares) a fim de garantir a realização de despesas previstas no Orçamento de Estado, anunciou segunda-feira, em Maputo, o ministro da Planificação e Desenvolvimento.

Esta decisão do Conselho de Ministros, que autoriza o Ministério das Finanças a proceder à emissão de dívida, foi tomada numa altura em que a imprensa moçambicana escreve sobre atrasos no desembolso das contribuições ao Orçamento do Estado por parte de alguns parceiros que prestam assistência financeira a Moçambique.

“O Ministério das Finanças foi autorizado a emitir Obrigações de Tesouro para financiar a economia e a emissão tem a dimensão anunciada para que o Estado não concorra com as empresas nacionais, uma vez que se pretende que os recursos existentes sirvam para as financiar”, disse o ministro Aiuba Cuereneia, citado pela agência noticiosa moçambicana AIM.

Recentemente, o ministro afirmou que o governo está a analisar a possibilidade de recorrer ao financiamento externo proveniente das economias emergentes e de instituições financeiras multilaterais para responder à crise na Zona Euro.

O maior prestador de ajuda a Moçambique, tanto sob a forma de apoio directo ao Orçamento de Estado como sob a forma de programas sectoriais, é a União Europeia, organização cujos países-membros estão a ser afectados pela crise da dívida pública. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH