Ministro das Pescas de Moçambique antecipa produção de 200 mil toneladas

20 August 2012

Moçambique poderá este ano produzir cerca de 200 mil toneladas de pescado diverso contra uma produção de 120 mil toneladas em 2010, disse em Maputo o ministro das Pescas, no decurso de uma visita ao porto de pesca da capital moçambicana.

O ministro Victor Borges, que acompanhava o rei da Suazilândia, Mswati III, adiantou que o governo está à procura de investimentos para dinamizar a indústria de processamento de pescado no país, como forma de adicionar valor ao recurso.

Citado pelo jornal Notícias, de Maputo, o ministro salientou que o governo pretende igualmente aumentar a produção de camarão, promovendo o fomento da aquacultura, e acrescentou “temos programas de televisão e rádio orientados para incentivar a população moçambicana a investir na aquacultura.”

Relativamente à pesca ilegal nas águas territoriais de Moçambique, Victor Borges garantiu que o país está em melhores condições do que há dois anos, nomeadamente com o lançamento de um navio de fiscalização e com a fiscalização via satélite.

O rei Mswati III, que na segunda-feira concluiu uma visita oficial de dois dias a Moçambique, visitou ainda as instalações da Salgaocar Mozambique, Lda., uma empresa com capitais da Suazilândia e que iniciou, em Janeiro último, a exportação de minério de ferro para a China através do porto de Maputo. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH