China vai financiar instalação de energia eólica na Guiné-Bissau

30 August 2012

Todas as ilhas habitadas da Guiné-Bissau vão dispor de energia eléctrica de geração eólica indo a China contribuir com 150 milhões de dólares para esse projecto, anunciou quinta-feira em Bissau o ministro dos Recursos Naturais e Ambiente do Governo guineense de transição.

Citado pela agência noticiosa portuguesa Lusa, o ministro Daniel Gomes disse que o contrato de financiamento já foi assinado aguardando-se agora a chegada de técnicos chineses para dar início à instalação dos equipamentos no arquipélago dos Bijagós e também nas ilhas da parte continental, no chamado Chão Manjaco, no norte do país.

Com o financiamento do grupo de telecomunicações ZTE Corporation serão igualmente instalados equipamentos para produção de energia fotovoltaica para a zona sul da Guiné-Bissau, disse o ministro dos Recursos Naturais e Ambiente.

O ministro não esclareceu se o financiamento chinês de 150 milhões de dólares é uma doação ou um empréstimo. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH