Ipex de Moçambique pretende rentabilizar recinto da Feira Internacional de Maputo

3 September 2012

O Instituto para a Promoção das Exportações (Ipex) vai procurar rentabilizar o recinto onde actualmente se realiza a Feira Internacional de Maputo (Facim), em Ricatla, com um conjunto de actividades programadas para este ano, informou segunda-feira o presidente da instituição.

João Macaringue citou como exemplos das actividades já programadas a realização trimestral de uma feira com venda de gado e a realização de conferência nacionais e internacionais, estando neste último caso em negociações com o Centro de Conferências Internacionais Joaquim Chissano.

“Não havendo feira, os pavilhões têm condições para se transformarem em autênticas salas de conferências, os restaurantes vão manter-se abertos ao longo do ano e antecipamos mesmo o arrendamento de espaços para a realização de casamentos e baptismos”, disse João Macaringue, citado pelo diário Notícias, de Maputo.

O presidente do Ipex, que fazia o balanço da 48ª edição da Feira Internacional de Maputo, referiu ainda que o certame, que decorreu entre os dias 27 de Agosto e 2 de Setembro corrente, recebeu a visita de 93 mil pessoas.

Durante o decurso do evento, foram realizados 20 seminários e 4050 bolsas de contactos das quais 3010 têm fortes intenções de se traduzirem em potenciais parcerias ou interesses de negócios futuros, segundo revelou Macaringue. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH