Fundo do Pro-Savana vai ser constituído em Nampula, Moçambique

11 September 2012

O Fundo para a Iniciativa de Desenvolvimento Pro-Savana vai ser constituído quinta-feira em Nampula com uma dotação de 750 mil dólares (22 milhões de meticais) subscrita pelo Ministério da Agricultura e pela Gapi – Sociedade de Investimento, informou o matutino Notícias, de Maputo.

O Pro-Savana é um programa que visa o desenvolvimento agrícola e rural na região do Corredor de Nacala, com o objectivo de melhorar a competitividade do sector, em termos de segurança alimentar, aumento da produtividade dos pequenos e médios produtores e a produção de excedentes agrícolas exportáveis.å

O Pro-Savana abrange uma das seis regiões definidas como prioritárias no Plano Estratégico para o Desenvolvimento do Sector Agrário em Moçambique (PEDSA) e conta com o apoio dos governos do Japão, através da Agência Japonesa de Cooperação Internacional (JICA, na sigla em inglês) e do Brasil, através da Agência Brasileira de Cooperação (ABC).

A Gapi-SI é uma instituição financeira de desenvolvimento, de natureza público-privada que tem por missão “conceber e executar programas e projectos que, de forma integrada, estimulem a expansão, diversificação e consolidação do tecido empresarial nacional e do sistema financeiro moçambicano.” (macauhub)

MACAUHUB FRENCH