Nova edição do Portugal Wine Guide com texto integral em chinês simplificado

15 October 2012

A nova edição revista e ampliada do Portugal Wine Guide ou Guia de Vinhos de Portugal, uma iniciativa da empresa portuguesa WG – International Marketing, inclui pela primeira vez o texto traduzido na íntegra para chinês simplificado, de acordo com Pedro Brito, director da WG.

Apresentada em inglês, chinês, português, russo e alemão, esta nova edição, com 226 páginas, encontra-se disponível em diversos suportes, edição impressa e em formatos digitais, sendo, além disso, possível obter o respectivo ficheiro em formato PDF na página electrónica do Portugal Wine Guide http://www.portugalwineguide.com

Esta edição conta, de acordo com os seus promotores, com novas colaborações, quer de personalidades do mundo do vinho em Portugal, quer de autores chineses e russos que escrevem sobre os vinhos portugueses nos seus mercados específicos.

Pedro Brito informou que a nova edição será apresentada em Singapura, Macau, Hong Kong, Moscovo, São Paulo e Rio de Janeiro.

Aquele responsável disse ainda que desde 2009, data em que se iniciou a sua publicação, o Portugal Wine Guide constituiu-se como uma plataforma para a internacionalização dos vinhos portugueses, nomeadamente pelos contributos editoriais como os de João Paulo Martins, crítico português de vinhos, que apresenta uma análise sobre as características e qualidades dos diferentes vinhos e introduz cada região vinícola e respectiva história.

O director da WG informou igualmente que com o lançamento desta nova edição, o Portugal Wine Guide estabeleceu uma parceria com a Global Wine & Spirits (http://www.globalwinespirits.com/), a plataforma líder mundial do comércio electrónico para compradores e vendedores na indústria do vinho e das bebidas espirituosas.

“Com esta parceria, que incluirá sinergias no mercado chinês, o Portugal Wine Guide reforça a sua distribuição à escala global, alcançando mais de 70 mil profissionais em todo o mundo, trazendo novas oportunidades aos produtores portugueses”, disse a concluir Pedro Brito. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH