Estrada entre Cuamba e Lichinga, em Moçambique, vai ser parcialmente asfaltada

18 December 2012

A Administração Nacional de Estradas de Moçambique já garantiu 240 milhões de dólares para proceder à colocação de asfalto num troço da Estrada Nacional 13, que liga Cuamba a Lichinga, capital da província do Niassa, informou o director-geral da instituição.

Citado pela Rádio Moçambique, Cecílio Grachane adiantou que a verba cedida pelo Banco Africano de Desenvolvimento permitirá a colocação de asfalto num troço de 230 quilómetros dos 320 quilómetros entre Cuamba e Lichinga.

O concurso público para a selecção dos empreiteiros será lançado no início de 2013, adiantou Grachane, que salientou ir esta obra ser dividida em duas fatias, a segunda das quais relativa ao troço entre Muita e Massangulo ir custar 150 milhões de dólares.

A verba necessária para colocar asfalto no troço entre Massangulo e Lichinga irá ser solicitada no próximo ano aos países e organizações internacionais que apoiam Moçambique, disse ainda o director-geral da Administração Nacional de Estradas.

A estrada Lichinga/Cuamba é determinante para o desenvolvimento da província do Niassa, uma vez que dá acesso ao porto de Nacala, principal porta de entrada para os produtos comercializados na província. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH