Deslocações turísticas a Cabo Verde ficam mais caras a partir de Maio

27 February 2013

As estadas nas unidades hoteleiras em Cabo Verde até um máximo de dez noites vão passar a implicar uma taxa turística de dois euros por noite a partir de 1 de Maio, disse no passado sábado o ministro do Turismo de Cabo Verde.

Humberto Brito, também responsável pelas pastas da Indústria e da Energia, disse ainda à agência noticiosa portuguesa Lusa que a taxa será paga localmente e aplica-se a viajantes com idades superiores a 16 anos.

Com a nova taxa, o governo de Cabo Verde espera angariar cerca de 600 mil contos por ano (5,4 milhões de euros), destinados a melhorar o sector do Turismo no arquipélago, sobretudo na estruturação da oferta turística, na promoção, na formação, na protecção do ambiente e na segurança.

Segundo as contas governamentais, com uma taxa de dois euros, se se multiplicasse, por exemplo, seis dias de permanência média pelos 470 mil turistas que entraram em Cabo Verde em 2011 (entraram cerca de 540 mil em 2012), seriam arrecadados cerca de 5,4 milhões de euros/ano.

Os operadores turísticos cabo-verdianos mostraram-se favoráveis à medida, considerando que permitirá melhorar as condições de recepção aos turistas e o ambiente de negócios. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH