Trabalhadores do sector extractivo em Moçambique deverão ter maior aumento do salário mínimo

10 April 2013

O salário mínimo para o sector extractivo em Moçambique deverá ser aquele que terá este ano maior aumento, de 31,91%, indo os trabalhadores receber pelo menos 4651 meticais (153 dólares), informou o jornal moçambicano Correio da Manhã.

O secretário-geral da Comissão Consultiva do Trabalho (CCT), Omar Jalilo, declinou confirmar ou desmentir o aumento divulgado pelo jornal, dizendo tratar-se ainda de propostas a serem analisadas e deliberadas em sessão plenária programada para o próximo dia 15 do corrente.

“Nada posso adiantar porque se trata de propostas a serem apreciadas em reunião plenária no dia 15, para posteriormente serem submetidas para apreciação e provável aprovação pelo Conselho de Ministros na próxima terça-feira, dia 16 de Abril”, disse Jalilo.

No entanto, o jornal adiantou que 3888 (128 dólares) é o mínimo que se deverá pagar no sector, nomeadamente no subsector de extracção de pedra e de areia para a construção civil.

O sector financeiro continuará a liderar a tabela dos melhores ordenados pagos em Moçambique (um mínimo de 6817 meticais), depois de beneficiar de um aumento de 10,47% acordado em sede de concertação social e que será formalmente anunciado nos próximos dias.

Depois de anunciados oficialmente – em princípio na próxima semana, logo a seguir à sessão do Conselho de Ministros do próximo dia 16 – os novos salários entram em vigor com efeitos retroactivos a partir de 1 de Abril de 2013. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH