Banco Central de São Tomé e Príncipe intervém em banco privado

23 April 2013

O Banco Central de São Tomé e Príncipe (BCSTP) decidiu intervir no Island Bank a fim de “repor o funcionamento normal” da instituição e “assegurar o exercício da actividade bancária nos termos da lei vigente”, anunciou terça-feira a instituição.

Em comunicado divulgado em São Tomé, o BCSTP informou que a decisão visou igualmente estancar “a deterioração dos indicadores económicos e financeiros» do Island Bank, banco de capitais da Nigéria, que tem sido “sistemática e contínua”, não permitindo ao banco honrar as obrigações nas datas de vencimento, sugerindo um “iminente estado de insolvência.”

“A intervenção no Island Bank não compromete o funcionamento da instituição, que continuará a exercer a sua actividade”, embora estejam para já canceladas “as autorizações que conferem direitos para dar instruções em nome da instituição a respeito de pagamentos, transferência de activos da organização ou activos por ela administrados”, pode ainda ler-se no comunicado.

Em Março passado, o Fundo Monetário Internacional (aconselhou o Banco Central de São Tomé e Príncipe a prestar mais atenção ao sistema bancário nacional, de acordo com o relatório de uma missão que visitou o arquipélago entre 8 e 20 de Março corrente.

“A missão constatou que os bancos comerciais não tiveram lucros em 2012, que a concessão de crédito parou quase por completo e que o crédito mal parado está a aumentar”, pode ler-se no comunicado, onde se aconselha o banco central a efectuar inspecções às instituições bancárias e a exigir dos seus accionistas que adoptem rapidamente planos de reposição dos capitais. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH