Moçambique e Fundo Monetário Internacional alcançam novo acordo

8 May 2013

O governo de Moçambique e o Fundo Monetário Internacional (FMI) acordaram um novo Instrumento de Apoio a Políticas (“Policy Support Instrument” – PSI) para o período 2013/2016, anunciou quarta-feira, em Maputo, a chefe de uma missão a Moçambique.

Alcançado no final da visita da missão, que decorreu de 24 de Abril a 8 de Maio, o acordo carece ainda da aprovação do Conselho de Administração do organismo internacional com sede em Washington, sendo o PSI um instrumento através do qual o FMI analisa e apoia as políticas económicas de um determinado país.

“O novo PSI terá como suporte quatro pilares, incluindo a consolidação da estabilidade económica no contexto da exploração dos recursos minerais, crescimento robusto, maior capacidade institucional na formulação e execução da política macro-económica e fortalecimento da governação e transparência no sector público”, disse a chefe da missão, Doris Ross.

Moçambique e o FMI possuem um relacionamento já antigo e se inicialmente a relação bilateral se centrava no apoio financeiro, nos últimos seis anos passou a concentrar-se nos serviços de assessoria, nomeadamente na
formulação de legislação económica. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH