Grupo português Sumol+Compal inaugura fábrica em Moçambique

22 May 2013

O grupo português Sumol+Compal inaugurou quarta-feira em Boane, arredores de Maputo, Moçambique, a primeira unidade industrial no estrangeiro onde investiu cerca de 8 milhões de euros (10,4 milhões de dólares), informou o grupo em comunicado.

De acordo com a nota, a escolha de Moçambique para iniciar a actividade industrial em África resulta do facto de o país reunir as condições essenciais oferecidas a um investidor estrangeiro bem como pela sua posição geo-estratégica na África Austral.

A fábrica de Boane, arredores de Maputo, conta com uma capacidade instalada de 30 milhões de litros anuais, para servir um mercado potencial de 170 milhões de pessoas.

O grupo Sumol+Compal é o terceiro maior produtor de bebidas em Portugal, depois da Unicer e da Central de Cervejas, mas foi o primeiro a conseguir expandir-se para o mercado africano. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH