Governo de Angola pretende atingir a prazo 4,6 milhões de turistas

27 May 2013

O Programa de Desenvolvimento do Turismo de Angola estima que dentro de dez anos o país venha a receber 4,6 milhões de turistas e que sejam criados um milhão de postos de trabalho, afirmou segunda-feira em Luanda o secretário de Estado da Hotelaria e Turismo.

À margem de um encontro sobre “Gestão de projectos de turismo sustentável”, Paulino Baptista disse que o Plano de Desenvolvimento do Turismo em Angola, que já começou a ser executado, prevê também uma contribuição no Produto Interno Bruto de cerca de 3%.

De acordo com a agência noticiosa angolana Angop, o secretário de Estado acrescentou que o governo central já seleccionou os pólos de desenvolvimento do turismo do país, isto é, as áreas prioritárias, nomeadamente, o Projecto de Desenvolvimento Okavango-Zambeze, o Pólo do Cuando Cubango, do Cabo Ledo e o de Calandula.

O encontro, iniciado segunda-feira com conclusão dia 31 de Maio, enquadra-se no Projecto de Desenvolvimento de Negócios Sustentáveis do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento, em Angola, em parceria com o Programa TrainFortrade da Conferência das Nacções Unidas para o Comércio e o Desenvolvimento e com o apoio do Ministério da Hotelaria e Turismo. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH