Estrada Cuamba/Lichinga, em Moçambique, começa a ser reconstruída em 2014

28 May 2013

A reconstrução da estrada Cuamba/Lichinga, em Moçambique, deverá iniciar-se em 2014, atendendo a que estão assegurados os fundos necessários, disse terça-feira em Maputo o porta-voz do governo e vice-ministro da Justiça, Alberto Nkutumula.

O porta-voz disse ainda que o Fundo Africano de Desenvolvimento concedeu um empréstimo de 50 milhões de dólares para financiar a segunda fase do projecto de reparação do Corredor de Nacala, que visa dotar de infra-estruturas fiáveis e eficientes aquela zona da região norte de Moçambique.

No decurso da reunião do Conselho de Ministros, o governo aprovou a resolução que ratifica o acordo de crédito celebrado a 15 de Março passado com o Fundo Africano de Desenvolvimento e uma outra que aprova a recepção de um donativo de 230 mil dólares para a realização dos estudos necessários para a realização da obra.

Citado pelo matutino Notícias, de Maputo, Nkutumula salientou que a reconstrução da estrada representa um passo fundamental na ligação rodoviária entre as províncias de Nampula e do Niassa bem como para o interior do continente, casos da Zâmbia e do Malawi, garantindo que a via esteja transitável em todas as épocas do ano.

A estrada Cuamba/Lichinga tem 320 quilómetros de extensão.(macauhub)

MACAUHUB FRENCH