Grupo francês CIS vai fornecer refeições a trabalhadores da Vale Moçambique

28 May 2013

O grupo francês CIS assinou um contrato de 50 milhões de dólares com o grupo brasileiro Vale para assegurar um serviço de fornecimento de refeições no norte de Moçambique, anunciou o grupo em comunicado divulgado na sua página electrónica.

O contrato, válido por três anos, inclui a construção de uma cozinha e de um restaurante com lugar para 600 pessoas em Nacala-a-Velha, na província de Nampula, onde a Vale Moçambique irá construir um terminal para exportar as grandes quantidades de carvão mineral que pretende extrair na concessão de Moatize, na província de Tete.

Além do terminal, a Vale irá ainda construir uma linha de caminho-de-ferro entre Moatize e Nacala, com passagem pelo Malawi, pelo que o grupo CIS, além de garantir o serviço contratado em Nacala-a-Velha, irá igualmente fazê-lo em dois locais ao longo da linha.

Nos termos do contrato, o grupo francês terá de fornecer alimentação a 3500 a 5500 pessoas diariamente e garantir os serviços de lavandaria de roupa para os 730 residentes que irão trabalhar nas instalações da Vale Moçambique em Nacala-a-Velha. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH