Comissão Europeia financia com 93 milhões de euros três projectos em Moçambique

6 June 2013

A Comissão Europeia anunciou quinta-feira a concessão de 93 milhões de euros para financiar projectos em Moçambique de abastecimento de água potável, reparação de estradas no centro de Moçambique e uma ajuda para a construção de dois hospitais.

Reconhecendo que Moçambique “continua a defrontar-se com enormes dificuldades” de desenvolvimento social, “não obstante o crescimento económico registado”, a União Europeia pretende financiar três projectos de infra-estruturas para “ajudar a combater a pobreza no país”, pode ler-se no comunicado divulgado.

Orçado em 11 milhões de euros, dos quais nove milhões serão concedidos pela Comissão Europeia, um milhão pelo governo moçambicano e um milhão pela UNICEF, o primeiro projecto de abastecimento de água potável vai beneficiar 50 mil pessoas e deverá ter início já este ano.

Captando o grosso do financiamento previsto, o segundo projecto (81 milhões de euros), “diz respeito à última componente que falta para completar o corredor de transportes que liga o Malaui aos portos de Moçambique” e inclui obras de melhoria de um troço de 111 quilómetros de uma estrada nacional e a reparação de 100 quilómetros de estradas rurais.

Com o valor remanescente (três milhões de euros), a Comissão Europeia vai ainda financiar “acções para completar a construção de dois importantes hospitais”, um dos quais no distrito de Gilé, na província da Zambézia, centro de Moçambique, e o outro em Manhiça, na província de Maputo. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH