Parceria indiana vai pagar 2,5 mil milhões de dólares por participação de 10% em bloco petrolífero em Moçambique

10 June 2013

A ONGC Videsh Ltd (OVL) e a Oil India Ltd (OIL) vão pagar 2,5 mil milhões de dólares pela participação de 10% detida pelo grupo também indiano Videocon Industries no bloco Área 1 da bacia do Rovuma, norte de Moçambique, informou a imprensa indiana.

O grupo ONGC, que controla a ONGC Videsh Ltd, chegou mesmo a divulgar um comunicado dando conta do acordo de compra e de venda mas mais tarde retirou-o informando que o negócio seria anunciado ainda esta semana.

O comunicado informava que a ONGC Videsh, a empresa do grupo para os negócios internacionais, tinha assinado um acordo definitivo com a Videocon Mauritius Energy para adquirir a totalidade da participação da Videocon Mozambique Rovuma Area 1 Ltd pelo montante de 2475 milhões de dólares.

Mais tarde, a OVL anunciou que as negociações com a Videocon Industries prosseguiam e que o acordo a ser assinado teria ainda de receber a aprovação dos governos de Moçambique e da Índia bem como dos restantes parceiros naquele bloco de prospecção petrolífera.

A compra será efectuada pela parceria entre a OVL e a OIL, de acordo com um anterior comunicado, em que a OVL detém 60% e a OIL os restantes 40%. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH