Crédito malparado é o risco principal para a banca em Cabo Verde

18 June 2013

O nível de crédito malparado na banca comercial de Cabo Verde manteve-se elevado em 2012 e com tendência ascendente desde 2010, afirmou o Banco de Cabo Verde no seu mais recente relatório sobre estabilidade financeira.

No documento terça-feira divulgado, o banco central adianta que o risco de crédito constitui o principal risco para o sistema bancário, atendendo a que a concessão de crédito está concentrada fundamentalmente nos sectores da habitação e da construção.

Em consequência, o banco central recomendou às instituições bancárias o reforço da constituição de provisões para que possam vir a absorver parte do crédito malparado bem como imparidades.

No documento, o Banco de Cabo Verde salienta que a exposição do sector bancário às sociedades não-financeiras ligadas ao sector imobiliário continua em montantes elevados que ultrapassam 10% dos fundos próprios, “patamar considerado de grande risco”, associado a um número limitado de contrapartes.

O banco diz ainda que a tendência de agravamento dos factores de risco para a banca deverá manter-se devido às incertezas relativamente à retoma da economia tanto de Cabo Verde como internacional pelo que continuará a aplicar as medidas necessárias para reforçar a solidez do sistema financeiro do arquipélago. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH