Estradas de Angola vão ter básculas para controlar cargas em excesso

4 July 2013

O Instituto Nacional de Estradas de Angola (INEA) vai instalar 31 básculas rodoviárias em algumas das principais estradas do país a fim de impedir a circulação de veículos com excesso de peso, disse quinta-feira em Luanda o chefe do departamento de conservação daquele instituto.

Em declarações à agência noticiosa angolana Angop, à margem do Conselho Consultivo Alargado do INEA, Florentino Silva sublinhou que a instalação das básculas insere-se no Programa de Manutenção e Conservação de Estradas que contempla igualmente a utilização de cinco outras básculas móveis.

Silva acrescentou que os locais para a instalação das básculas estão identificados e acrescentou ser fundamental controlar as cargas em excesso que circulam nas principais estradas do país e que são uma das principais razões para a degradação dos pavimentos.

“Vamos reforçar o nosso sistema de controlo de pesagem de viaturas, porque grande parte dos veículos pesados circula com cargas acima daquilo que é permitido”, referiu.

No decurso do encontro, a encerrar hoje, sexta-feira, o ministro da Construção, Waldemar Pires Alexandre, revelou que o INEA é uma das instituições do país com maior peso relativo na utilização dos recursos públicos devido à aposta do governo na reconstrução da infra-estruturas rodoviárias.

O ministro destacou a actividade desenvolvida pelo INEA para a reconstrução nacional, salientando que desde 2002, final da guerra civil, foram construídos ou reparados mais de 9 mil quilómetros de estradas e cerca de 500 pontes de diferente dimensão. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH