Negócios no Brasil melhoram desempenho do grupo português Sonae Capital

31 July 2013

O grupo português Sonae Capital conseguiu no segundo trimestre uma “melhoria expressiva” do seu desempenho operacional, registando um crescimento de 12% do volume de negócios, que atingiu 30 milhões de euros, impulsionado em parte pela presença do grupo no mercado brasileiro, no sector de equipamentos de refrigeração.

Um dos factores de crescimento da facturação da Sonae Capital foi a expansão da Sistavac, tendo o grupo português destacado o “acréscimo no nível de actividade do grupo Sistavac, essencialmente na esfera internacional (Brasil e mercado de exportação)”.

No comunicado de resultados do primeiro semestre, a Sonae Capital informa que “no segundo trimestre do ano o grupo Sistavac reforçou a sua exposição ao mercado internacional (via exportação e venda local directa), contribuindo para o crescimento de 2,6 milhões de euros no volume de negócios internacional gerado no semestre (sobretudo nas linhas de negócio de refrigeração e AVAC – aquecimento, ventilação e ar condicionado).

Globalmente, o resultado líquido da Sonae Capital no primeiro semestre melhorou 6,8%, com a companhia a reduzir o seu prejuízo de 12,8 para 11,9 milhões de euros.

Na primeira metade do ano o total de proveitos operacionais da Sonae Capital ascendeu a 58,1 milhões de euros, com uma subida de 4,5% em termos homólogos. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH