Fábrica de processamento de granito em Angola com produção perto da capacidade instalada

4 August 2013

A unidade industrial de processamento de granito da Coreangol, localizada no município do Nzeto, província do Zaire, atingiu nos últimos seis meses uma produção equivalente a 80% da capacidade instalada, disse um dos responsáveis da empresa.

Miguel Manuel, chefe dos serviços regionais da Coreangol, uma empresa com capitais de Angola e da Coreia do Sul, disse à agência noticiosa angolana Angop que, em resultado dos investimentos efectuados no passado recente, a unidade dispõe de capacidade para produzir em cada trimestre mais de 35 metros quadrados de mosaico.

A fábrica entrou em funcionamento em Janeiro de 2011 para transformar granitos em mosaico polido e lancis picotados, de cores verde, preta e rosa, a partir de rochas ornamentais extraídas no local.

A unidade industrial, em que foram investidos inicialmente 3 milhões de dólares, disporá dentro de dias de uma segunda linha de produção, o que permitirá à empresa começar a fabricar outros produtos como lancis e pedras polidas para jazigos e campas.

Miguel Manuel apontou as províncias do Zaire, Bengo, Benguela, Cuanza Norte, Cuanza Sul e Luanda como os principais mercados onde são comercializados os produtos da fábrica, que tem actualmente em armazém cerca de 150 mil metros cúbicos para entrega imediata. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH