Dependência do sector petrolífero torna vulnerável economia de Angola

12 September 2013

O sector petrolífero de Angola representa 45% do Produto Interno Bruto gerando uma dependência elevada que introduz vulnerabilidade na economia angolana, afirmou quinta-feira em Menongue o ministro do Planeamento e Desenvolvimento Territorial.

Na sessão de abertura do primeiro Fórum Económico da província do Cuando Cubango, o ministro Job Graça adiantou que o sector petrolífero, além de representar quase metade do PIB, proporciona 60% das receitas fiscais totais e representa 90% das exportações do país.

Para reduzir a vulnerabilidade resultante da dependência daquele sector, o ministro salientou que o Plano Nacional de Desenvolvimento 2013/2017 contém medidas como a definição de uma estratégia de diversificação da estrutura da economia nacional nos primeiros anos do presente ciclo de governação para alargar a base de crescimento, ao incentivar sectores de mão-de-obra intensiva.

Job Graça frisou que a satisfação da procura por emprego, resultante desta dinâmica, deverá ocorrer da execução das políticas no domínio da formação e valorização dos recursos humanos, através da estratégia nacional do desenvolvimento de recursos humanos e do plano nacional de formação de quadros.

“A diversificação económica em sectores de mão-de-obra intensiva, como a agricultura e a agro-pecuária, terá no investimento privado o seu motor e no investimento público a sua alavanca”, salientou o ministro. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH