Barragem de Cambambe, em Angola, completou 50 anos

7 October 2013

A barragem hidroeléctrica de Cambambe, na província do Cuanza Norte, assinalou domingo o 50º aniversário, numa altura em que recebe obras de modernização que permitirão elevar a produção de energia eléctrica de 180 para 960 megawatts, de acordo com a agência Angop.

A inauguração ocorreu a 6 de Outubro de 1963, sendo presidida pelo almirante Américo Deus Rodrigues Thomaz, na altura presidente de Portugal, que se deslocou da capital do então império português, Lisboa, para Cambambe, na então província ultramarina portuguesa.

A construção iniciou-se em 1958 e terminou em 1962, altura em que entrou em funcionamento o grupo I, de 45 megawatts, enquanto no ano a seguir, 1963, entrou em funcionamento o grupo 2, com igual potência, passando a fornecer energia eléctrica à cidade de Luanda e à região norte do país.

Apenas em 1972 é que entraram em funcionamento as duas outras centrais (3 e 4), acrescendo mais 90 megawatts à produção totalizando os actuais 180 megawatts.

A barragem de Cambambe fornece energia eléctrica à cidade de Luanda e a outras províncias de Angola há 50 anos, período em que a realidade demográfica sofreu alterações consideráveis, principalmente em Luanda, onde se registou um considerável aumento populacional – de cerca meio milhão de pessoas em 1975 passou para aproximadamente 5 milhões em 2013 – o que fez com que o consumo de electricidade tivesse um crescimento exponencial.

Para garantir a procura, o governo contratou em 2009 as obras de modernização e ampliação do aproveitamento hidroeléctrico de Cambambe, o que fará aumentar dos actuais 180 megawatts para 960 megawatts a capacidade de produção de energia eléctrica em 2015. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH