State Grid da China anuncia investimentos de 10 mil milhões de dólares no Brasil

27 October 2013

O grupo State Grid da China pretende investir no sector eléctrico do Brasil 10 mil milhões de dólares até 2015, disse o presidente da estatal chinesa, Cai Hongxian, à brasileira Agência Estado.

Cai disse ainda que o grupo, além de consolidar a carteira de activos no segmento de transmissão de energia, pretende crescer no segmento de produção, bem como no de transmissão, através da aquisição de activos e desenvolvimento de novos empreendimentos.

A expansão no Brasil integra um plano mais amplo, de crescimento internacional, tendo o grupo despendido até à data 16 mil milhões de dólares no estrangeiro na aquisição de empresas em países como Portugal e Austrália.

Na China, a companhia fornece energia para 1100 milhões de pessoas e em 2012 registou uma facturação de 307,9 mil milhões de dólares.

Actualmente, o Brasil é a maior operação internacional do grupo, com uma receita de 632 milhões de reais e activos avaliados em 6,88 mil milhões de reais no final de 2012, com 12 concessões de transmissão de energia e participação em outras quatro, em que controla 51%.

O grupo entrou no Brasil com a compra de sete linhas de transmissão à espanhola Plena Transmissora, administrando hoje uma rede de 6,7 mil quilómetros e estando a construir mais 3,9 mil quilómetros obtidos em leilões.

Embora disponha de capacidade financeira para realizar projectos isoladamente, Cai Hongxian disse que o grupo State Grid pretende estabelecer parcerias com empresas brasileiras tendo-se associado às brasileiras Copel – Companhia Paranaense de Energia e Furnas – Centrais Eléctricas nos leilões de transmissão que venceu. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH