Cooperação entre a China e os países de língua portuguesa proporcionou benefícios mútuos

4 November 2013

A cooperação entre a China e os países de língua portuguesa traduz-se em benefícios mútuos para todos os participantes do Fórum Macau, afirmou segunda-feira em Macau o ministro do Comércio da China, Gao Hucheng.

Ao discursar no jantar de boas-vindas da 4ª conferência ministerial do Fórum para a Cooperação Económica e Comercial entre a China e os Países de Língua Portuguesa, Gao Hucheng sublinhou que, desde a sua criação em 2003, o “Fórum Macau percorreu um percurso extraordinário” que proporcionou benefícios a todos os participantes.

“Aprofundámos a cooperação económica e comercial e enfrentámos em conjunto a crise financeira, tendo conseguido bons resultados nos dez anos desta cooperação entre a China e os países de língua portuguesa”, disse.

Gao Hucheng salientou, contudo, que os êxitos conseguidos ao longo de uma década são a “base sólida para uma cooperação aprofundada e consolidam a convicção do desenvolvimento comum”, pelo que há que continuar a desenvolver as ações de cooperação a “um nível mais elevado, em áreas mais amplas e de forma mais aprofundada.”

O ministro chinês do Comércio lembrou o papel de Macau com os seus “recursos, utilizando as suas próprias vantagens a nível regional, cultural e comercial” para ser parte activa do Fórum Macau “desempenhando “desta forma uma função indispensável”.

Por sua vez, o Chefe do Executivo do governo de Macau, Fernando Chui Sai On, fez um balanço positivo da cooperação entre a China e os países de língua portuguesa ao longo da última década e garantiu que o Fórum Macau, “enquanto mecanismo eficaz de cooperação e plataforma de serviços de excelência, continuará a desempenhar um papel significativo na promoção da cooperação económica e comercial entre os países participantes.” (macauhub)

MACAUHUB FRENCH