Agro-pecuária do Brasil promove-se hoje em Xangai, China

11 November 2013

Mais de 160 empresários e instituições financeiras da China participam hoje num seminário promovido pela Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) em Xangai, de acordo com informações divulgadas segunda-feira pela instituição.

Superando as presenças confirmadas em cerca de 60% a previsão inicial, o seminário AgroInvest Brasil 2013 servirá para apresentar a compradores e investidores chineses as oportunidades oferecidas pelo negócio agrícola brasileiro.

A lista dos participantes chineses inscritos inclui compradores directos, distribuidores, grossistas e redes de supermercados que têm interesse nas oportunidades oferecidas pelas estruturas agro-industriais do Brasil, bem como os cinco maiores fundos de investimento da China.

De acordo com a confederação, o vice-presidente da Guotai Junan Securities de Xangai, Xu Jin Sheng, será um dos oradores, sendo o seminário aberto pela presidente da CNA, senadora Kátia Abreu, líder da missão que levou à China 60 empresários e entidades representativas da agro-pecuária do Brasil.

A importância da Zona Piloto de Livre Comércio de Xangai no fornecimento de alimentos e bebidas para o mercado chinês será tema da palestra do secretário-geral do Conselho Chinês para a Promoção de Comércio Internacional (CCPIT) em Xangai, Yu Cheng, participando igualmente da sessão de abertura o vice-director da Administração Geral de Qualidade, Supervisão, Inspecção e Quarentena (AQSIC), Lu Zhong Shan, que abordará a aplicação dos controlos de qualidade alimentar.

A CNA apresentará, na abertura do seminário, uma nova plataforma para registo de projectos – o portal AgroInvest – que será uma espécie de montra de oportunidades para parcerias comerciais e de investimento entre o Brasil e a China. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH