Empresários criam Comunidade de Empresas Exportadoras e Internacionalizadas de Angola

18 November 2013

Empresários angolanos criaram a Comunidade de Empresas Exportadoras e Internacionalizadas de Angola (CEEIA) a fim de apoiarem a internacionalização dos serviços e produtos angolanos, disse o presidente da instituição, Agostinho Kapaia.

O nascimento da CEEIA, de acordo com o seu presidente, vai ajudar a criar capacidade produtiva no tecido empresarial angolano e fará com que os operadores, em conjunto, tenham mais oportunidades.

Para cumprir estes objectivos, Agostinho Kapaia adiantou que a CEEIA deverá certificar a qualidade e a origem dos produtos, disponibilizar informações decorrentes de análises, proporcionar “acompanhamento especializado e formação adequada” aos associados, e intermediar nos processos burocráticos de internacionalização.

De acordo com o jornal Sol, fazem parte da lista dos 19 sócios fundadores da CEEIA empresas como Refriango, Vidrul, Angonabeiro, Banco Privado Atlântico ou Miracel.

O Plano Nacional de Desenvolvimento 2013-2017 fixou como meta o crescimento médio das exportações não-petrolíferas em 23%, que estão actualmente concentradas no café, madeira, diamantes e rochas ornamentais. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH