Reconstrução do Caminho-de-Ferro de Benguela, em Angola, custou 528 milhões de dólares

2 December 2013

A reconstrução da linha de caminho-de-ferro de Benguela custou mais de 528 milhões de dólares, anunciou na passada sexta-feira no município fronteiriço do Luau (ex-vila Teixeira de Sousa), o ministro dos Transportes de Angola, Augusto da Silva Tomás.

O ministro disse à agência noticiosa Angop que aquele montante inclui a reconstrução da linha, com a limpeza do percurso e a colocação de balastro, chulipas e carris, a construção de 107 estações e apeadeiros, bem como a reparação de 35 pontes existentes no percurso.

Luau é a última estação do caminho-de-ferro de Benguela, num percurso de 1344 quilómetros do Lobito até a fronteira com a República Democrática do Congo, passando pelas províncias angolanas do Benguela, Huambo, Bié e Moxico.

O CFB foi criado por uma lei de Agosto de 1899 e a linha férrea começou a ser construída a 1 de Março de 1903 e concluída a 2 de Fevereiro de 1929, tendo em Agosto de 2012 sido reposta a circulação dos comboios entre Lobito e a cidade do Luena, a capital da província do Moxico. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH