Estatal Portos e Caminhos de Ferro de Moçambique começa a receber locomotivas encomendadas à General Electric

16 December 2013

A estatal Portos e Caminhos de Ferro de Moçambique (CFM) deverá receber este mês a primeira de dez locomotivas que encomendou ao grupo norte-americano General Electric (GE), na sequência de um concurso público com o valor de 34 milhões de dólares, informou o presidente da empresa.

Citado pela agência noticiosa AIM, Rosário Mualeia adiantou que mais quatro locomotivas deverão ser entregues para utilização na rede ferroviária moçambicana no decurso do primeiro trimestre de 2014.

Mualeia disse ainda que um outro conjunto de 10 locomotivas que a empresa pretende adquirir “muito em breve” serão entregues à unidade de negócio CFM – Centro, “o que irá permitir melhorias assinaláveis na actividade operacional.”

Para Rosário Mualeia, a aquisição de locomotivas tem como vantagens o facto de a empresa deixar de ser obrigada a alugá-las aos caminhos-de-ferro da África do Sul ou da Índia, cujo custo supera 800 dólares por dia.

No decurso de uma visita do ministro dos Transportes e Comunicações, Gabriel Muthisse, o presidente dos CFM salientou que as linhas de caminho-de-ferro que estão ou irão ser construídas no norte e centro do país destinam-se fundamentalmente a aumentar a capacidade de cargas, tanto em contentor como a granel, projectos que contam com o envolvimento do sector privado. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH