Sociedade Mineira de Catoca pretende aumentar produção de diamantes em 2014

1 January 2014

A descoberta de novos depósitos de diamantes em Angola e no exterior é uma das prioridades da Sociedade Mineira de Catoca para 2014 para aumentar a produção da empresa, afirmou em Saurimo o director-geral, Ganga Júnior.

Em declarações à agência noticiosa Angop, Ganga Júnior disse que em 2014 vão iniciar-se os trabalhos para a exploração da mina de Tchiuzo e para a entrada em funcionamento do terceiro moinho de auto desintegração húmida.

“O ano de 2014 deve mobilizar o nosso saber para que possamos contribuir para a melhoria das condições e qualidade de vida das populações e no crescimento da economia do país”, disse.

Relativamente ao desempenho da empresa em 2013, Ganga Júnior manifestou-se satisfeito pelas acções desenvolvidas e pelos resultados alcançados pela sociedade.

O gestor apontou como acções os trabalhos de prospecção nas novas concessões, o início de intervenções no Zimbabué e a entrega das primeiras casas aos trabalhadores na vila Sagrada Esperança.

A Sociedade Mineira de Catoca (SMC) é uma parceria constituída pelas empresas Endiama (Angola) 32,8% , Alrosa (Rússia) 32,8%, Daumonty (Israel) 18 % e Odebrecht (Brasil) 16,4%. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH