Angola vai fornecer madeira a Itália

16 February 2014

Angola vai passar a abastecer o mercado italiano com madeira dentro de dois anos, no quadro de um acordo a ser em breve assinado entre a Organização de Madeireiros e Material de Decoração de Itália e a sua congénere angolana, disse um responsável italiano.

A bordo do porta-aviões italiano Cavou, no quadro de uma visita do 30º Grupo Naval que se encontra em Angola desde a passada quinta-feira (13), Gianmarco Orefice, promotor internacional da FederlegnoArredo, disse que o acordo, ainda sem data, vai ser o culminar de um processo de conversações entre empresários angolanos e italianos, cujos primeiros contactos ocorreram em 2010.

“Naquela altura, elaborámos vários contactos entre produtores, comerciantes e designers angolanos e demonstrámos todo o nosso interesse em criar acordos de cooperação comercial no domínio da madeira”, reforçou.

O representante da FederlegnoArredo, cujas vendas para o mercado angolano atingiram seis milhões de dólares nos últimos dois anos, sublinhou a importância de Angola no quadro da expansão dos negócios da companhia que representa.

Na ocasião, o presidente da Associação dos Madeireiros Industriais de Angola, Luís Silva, disse à agência noticiosa Angop que o acordo chega numa boa altura, considerando o facto de a FederlegnoArredo constituir uma dos principais operadores mundiais no domínio da produção e transformação da madeira.

A Associação dos Madeireiros Industriais de Angola detém, actualmente, 75 associados, distribuídos em várias regiões do país, um número que o responsável pela agremiação garante estar preparado para ir de encontro as solicitações de exportação. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH