Angola é o país para onde há mais seguros às exportações portuguesas

19 February 2014

Angola foi o país para onde os empresários portugueses mais recorreram a seguros para garantir as suas exportações para fora da OCDE, revelam dados quarta-feira divulgados pela Cosec, uma seguradora especializada no apoio às exportações.

No comunicado que anuncia o prolongamento da linha de seguros de créditos à exportação para países fora da OCDE até 2015, a Cosec revela que os mercados mais procurados foram Angola, Venezuela, Moçambique, Marrocos, Cabo Verde e Brasil e que no ano passado se registou um máximo de procura nesta linha, tendo o valor seguro chegado a 255,3 milhões de euros, que facilitaram vendas de 785,5 milhões de euros.

“Desde o seu lançamento foram apoiadas pelo seguro 556 empresas, das quais 74% de pequena e média dimensão, que exportaram para 93 mercados, num total de cerca de 973 milhões de euros e facilitaram vendas de 2960 milhões de euros”, lê-se no comunicado.

“A linha foi criada pelo Estado português em Dezembro de 2008, no âmbito das medidas destinadas a minimizar os efeitos da crise económica e financeira, sendo totalmente garantida pelo Estado e gerida pela Cosec”, acrescenta o comunicado da Companhia de Seguros de Crédito.

São elegíveis para cobertura todos os mercados, com excepção dos países da União Europeia (embora temporariamente se possa considerar elegível a Grécia) e dos seguintes países da OCDE: Austrália, Canadá, Estados Unidos da América, Islândia, Japão, Noruega, Nova Zelândia e Suíça. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH