Financiamento externo permite a quase totalidade do investimento público em São Tomé e Príncipe

25 February 2014

Os investimentos públicos de São Tomé e Príncipe através de financiamento externo ascenderam a 1821 mil milhões de dobras (101 milhões de dólares) em 2013, revelou terça-feira o ministério de Plano e Finanças do arquipélago.

Dados do ministério a que a macauhub teve acesso indicam que o financiamento externo representou 93,5% dos investimentos públicos de São Tomé e Príncipe em 2013, sendo os restantes 6,5% assegurados pelos recursos internos do arquipélago.

De acordo com os dados do ministério, do montante conseguido através do financiamento externo, 52 por cento equivalente a 53,5 milhões de dólares surgiram sob a forma de donativos e restantes 48 por cento igual a 47,6 milhões em forma de empréstimos.

Na lista de financiadores estrangeiros dos investimentos públicos de São Tomé e Príncipe destacam-se Taiwan, que injecta anualmente mais de 15 milhões de dólares, seguido de Angola, Fundo Europeu de Investimento, Nigéria, Guiné-Equatorial, Portugal, Brasil e agências das Nações Unidas, de entre outros apoios por via bilateral ou multilateral.

Em 2012, os investimentos públicos através de financiamento externo tinha ascendido a 69,3 milhões de dólares sendo 59% ou 41,2 milhões de dólares representados por donativos e 41% ou 28,1 milhões via empréstimos. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH