ONGC Videsh vai investir mais 3 mil milhões de dólares em Moçambique

4 March 2014

A ONGC Videsh Ltd (OVL), a empresa do grupo indiano ONGC para os negócios no estrangeiro, vai investir mais 3 mil milhões de dólares na exploração e aproveitamento de gás natural no bloco Área 1, em Moçambique, informou a agência noticiosa indiana PTI.

A agência recordou que em 2013 a OVL associou-se à Oil India Ltd para comprar na proporção de 60/40 uma participação de 10% naquele bloco petrolífero por 2475 milhões de dólares e posteriormente adquiriu mais 10% no mesmo bloco tendo pago ao grupo Anadarko Petroleum 2,64 mil milhões de dólares.

Fontes citadas pela agência disseram que a exploração comercial das imensas reservas de gás natural já descobertas naquele bloco exigem um investimento de 18,4 mil milhões de dólares sendo que a OVL terá de assegurar pelo menos 2944 milhões de dólares.

O projecto de exploração do bloco, operado pelo grupo norte-americano Anadarko Petroleum, prevê o processamento de 20 milhões de toneladas de gás natural liquefeito por ano, passando a ser o segundo maior produtor de gás natural depois do bloco Ras Laffan no Qatar.

Na sequência de diversos negócios, o grupo Anadarko Petroleum continua a funcionar como operador e a deter a maior participação, 26,5%, sendo os restantes parceiros o grupo japonês Mitsui & Co. (20%), a ONGC Videsh associada à Oil India Ltd com 10%, a ONGC Videsh e a empresa também indiana Bharat Petroleum, ambas com 10% cada, o grupo estatal PTT da Tailândia com 8,5% e a estatal moçambicana Empresa Nacional de Hidrocarbonetos com 15%. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH