Vale Moçambique com produção de 4 milhões de toneladas de carvão em 2013

13 March 2014

A Vale Moçambique produziu cerca de quatro milhões de toneladas de carvão em 2013, mas conseguiu exportar apenas três milhões de toneladas, revelou o director-geral Ricardo Saad, ao efectuar um balanço da actividade da subsidiária do grupo brasileiro Vale.

A dificuldade de escoamento através da linha de caminho-de-ferro de Sena, que liga a região carbonífera de Moatize, na província de Tete, ao porto da Beira, na província de Sofala, terá sido o principal constrangimento à exportação plena da produção registada pela empresa, adiantou Ricardo Saad.

Com a comercialização de carvão, destinado sobretudo ao mercado asiático, a Vale Moçambique obteve receitas de 381,9 milhões de dólares, dos quais 58,5 milhões de dólares foram destinados ao pagamento de impostos, numa carga fiscal traduzida em 15,3% do total das vendas.

Sublinhando a fase de investimentos em que o projecto de exploração de carvão ainda se encontra, e que se deverá alargar pelos próximos cinco anos, o director-geral da Vale Moçambique fez notar que a empresa teve prejuízos operacionais de 484,4 milhões de dólares em 2013.

Sobre os investimentos em curso, Saad destacou a consignação de 417,5 milhões de dólares para o projecto de expansão da capacidade de processamento de carvão da mina dos actuais 11 milhões de toneladas para 22 milhões de toneladas anuais.

Por outro lado, no projecto de desenvolvimento do Corredor de Nacala, que compreende a construção de uma linha de caminho-de-ferro que liga Moatize ao porto de Nacala-a-Velha, na província de Nampula, numa extensão de cerca de 900 quilómetros, bem como nas obras de reparação da infra-estrutura portuária, a Vale Moçambique investiu 932,1 milhões de dólares.

Em ambos os projectos, aumento da capacidade de processamento da mina e Corredor de Nacala, a empresa espera investir cerca de dois mil milhões de dólares ao longo de 2014.

As previsões de produção de carvão para o presente ano estão fixadas em cinco milhões de toneladas, das quais quatro milhões de toneladas deverão ser exportadas. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH