Prospecção de diamantes alargada a toda a província da Huíla, Angola

20 March 2014

A prospecção de diamantes na província da Huíla está a ser feita em toda a sua extensão, para confirmação dos fortes indícios da existência daquele mineral na região, anunciou a directora provincial da Indústria, Geologia e Minas, Paula Joaquim.

A directora provincial adiantou que a prospeção, reconhecimento e avaliação dos novos recursos minerais estão a ter lugar em todos os municípios, destacando-se os de Quipungo e Matala, em resultado de estudos anteriores.

Este trabalho, como destacou Paula Joaquim, visa igualmente determinar a quantidade e qualidade dos diamantes naquela província, para futura exploração.

Para 2015, está previsto o início do projecto de exploração de ouro na localidade de Limpopo, município da Jamba mineira, de acordo com indicações da empresa concessionária, adiantou Paula Joaquim.

Na província do Uíge, noticiou também o diário Jornal de Angola, a exploração de cobre na localidade de Mavoio, município de Maquela do Zombo, está no bom caminho, de acordo com o ministro da Geologia e Minas angolano, Francisco Queirós, que se deslocou àquela província no norte de Angola, para analisar o estado do projecto.

Integrada numa área de cerca de dez mil quilómetros quadrados, as minas de Maiovo vão produzir mensalmente 20 mil toneladas de cobre, tendo sido já despendidos nos trabalhos de prospeção 22 milhões de dólares.

Paralisada em 1972, a mina de Maiovo tinha, quando em laboração, mais de três mil funcionários e chegado a produzir anualmente mais de 30 mil toneladas de cobre. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH