Portugal apoia Moçambique com 134 milhões de euros

26 March 2014

O apoio de 134 milhões de euros que Portugal vai prestar a Moçambique é uma prova de “absoluta confiança” no futuro do país e na governação moçambicana, disse quarta-feira em Maputo o primeiro-ministro português.

Pedro Passos Coelho, que discursava durante um jantar oferecido pelo Presidente moçambicano, Armando Guebuza, à comitiva governamental portuguesa que participou na II cimeira luso-moçambicana, disse ainda que o apoio representa uma “aposta claríssima e sem hesitação” do Governo português em Moçambique.

Armando Guebuza, que classificou como “excelentes” as relações entre os dois países, destacou os investimentos portugueses em Moçambique, que fazem Portugal ocupar a terceira posição no investimento directo estrangeiro.

Durante a II Cimeira Moçambique-Portugal foram assinados 20 acordos de cooperação bilateral, “um número sem precedentes”, que, de acordo com Passos Coelho, espelha “um relacionamento bilateral cada vez mais sólido.”

O texto da declaração final destaca o aumento das trocas comerciais entre os dois países nos últimos três anos.

“No âmbito do crescimento económico, foi sublinhado o crescimento de 60% das exportações moçambicanas para Portugal e de 43% das exportações portuguesas para Moçambique desde a última cimeira (bilateral), demonstrando a cada vez maior relevância dos respectivos mercados”, refere o documento.

Portugal é “o investidor estrangeiro com maior impacto na criação de emprego”, pode ler-se na declaração, que acrescenta “foi ainda notado que as empresas portuguesas continuam a destacar Moçambique como um destino privilegiado de investimento.” (macauhub)

MACAUHUB FRENCH