Atrasada abertura do primeiro hipermercado Continente em Angola

31 March 2014

A abertura do primeiro hipermercado Continente em Angola continua sem data marcada, disse Paulo Azevedo, presidente executivo do grupo português Sonae, “devido a atrasos na componente imobiliária.”

Dizendo estar “relativamente optimista” quanto avanço do projecto, Paulo Azevedo escusou-se a indicar uma data para a abertura da primeira loja, tendo dito apenas “quando fizermos a abertura, fá-la-emos bem.”

“Cedo se identificou que o projecto seria mais demorado do que o inicialmente previsto, por causa da componente imobiliária, que é da responsabilidade do parceiro de negócio”, disse o presidente do grupo português, no decurso da apresentação de resultados relativos a 2013.

A aliança entre a Sonae e a Condis (sociedade controlada pela empresária angolana Isabel dos Santos) para o Continente em Angola foi estabelecida em Abril de 2011, altura em que a ideia era abrir quatro hipermercados em Luanda, um no Huambo, uma escola de formação e um clube de produtores, prevendo-se que a primeira loja abrisse em 2013.

Há um ano, na apresentação dos resultados de 2012 do grupo, Azevedo admitiu existirem dificuldades no processo, remetendo a abertura da primeira loja para 2014 ou 2015.

Em 2013, ano em que o grupo deixou de consolidar a actividade de telecomunicações que desenvolvia na Optimus, a empresa registou lucros de 319 milhões de euros, face a 33 milhões de euros em 2012. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH