Banco árabe financia projecto de abastecimento de água em São Tomé e Príncipe

4 April 2014

O Banco Árabe para o Desenvolvimento Económico em África (BADEA) vai financiar em cerca de sete milhões de dólares um projecto de abastecimento de água potável em São Tomé e Príncipe, informou o representante local da instituição.

Alkabidelair Omali, representante de BADEA em São Tomé, disse estarem a decorrer os estudos de impacto ambiental e de viabilidade económica do projecto que se destina a captar água no rio Abade, no distrito de Cantagalo, situado a 12 quilómetros da capital de São Tomé e Príncipe.

Além de uma equipa técnica do BADEA, que já se encontra no território são-tomense, os estudos, que devem ficar concluídos dentro de seis meses, contam ainda com a contribuição dos técnicos da estatal Empresa de Agua e Electricidade, disse Aleixo Pires, presidente de Câmara Municipal de Cantagalo.

Além do sistema de abastecimento de água potável, o projecto completa ainda obras de saneamento, promoção de campanhas de sensibilização e educação da população sobre a utilização racional de água bem como a instalação do sistema de tratamento, adiantou Pires.

Este projecto de abastecimento de água potável enquadra-se no programa nacional de luta contra a pobreza no arquipélago que conta com financiamento de vários parceiros de desenvolvimento.

Apesar de possuir uma capacidade global de cursos de 2,1 milhões de metros cúbicos de água por quilómetro quadrado, o abastecimento é deficiente no arquipélago devido à falta de redes de distribuição. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH