Comboios da Caminhos-de-Ferro de Luanda vão transportar 5 milhões de passageiros

22 April 2014

As obras na rede ferroviária de Luanda, entre a estação Baía, próxima do porto de Luanda e a estação do Bungo, iniciam-se este ano e vão aumentar a capacidade de transporte de passageiros, noticiou o semanário angolano Expansão.

Após a duplicação da linha no troço Baía-Bungo, dentro de dois a três anos, o número de passageiros dos comboios da Caminhos-de-Ferro de Luanda (CFL) deverá atingir cinco milhões por ano.

Em 2013,  a empresa transportou 3,2 milhões de passageiros na ligação Luanda-Malanje, numa extensão de 424 quilómetros, um aumento significativo em relação aos 1,5 milhões de passageiros transportados no ano anterior.

No troço Bungo-Baía, com cerca de 30 quilómetros de extensão, são efectuadas actualmente cerca de 20 frequências diárias, nos dois sentidos.

Com a duplicação da linha, haverá 20 frequências em cada sentido, estando previsto que Baía se assuma como a estação central de Luanda, servindo o futuro aeroporto de Luanda e o porto da barra do Dande.

No final da semana passada, a CFL inaugurou a ligação de cerca de 2,5 quilómetros entre o porto de Luanda e a linha que liga a capital a Malanje, repondo a circulação, interrompida desde 1994, em toda a zona de exploração da empresa, incluindo as estações da Textang, Bungo, Dondo e Malanje, noticiou ainda o jornal. (macauhub/AO)

MACAUHUB FRENCH