Défice da balança comercial de Cabo Verde com melhoria no 1º trimestre

5 May 2014

O défice da balança comercial de Cabo Verde registou uma melhoria de 13% em termos homólogos no primeiro trimestre ao ter-se cifrado em 11 865 milhões de escudos, informou o Instituto Nacional de Estatística (INE).

De acordo com os dados divulgados, a contracção registada no défice comercial fez com que a taxa de cobertura das importações pelas exportações tivesse ganho mais de 4 pontos percentuais ao ter passado de 7,2% no primeiro trimestre de 2013 para 11,6% no período homólogo de 2014.

Nos primeiros três meses do ano Cabo Verde exportou mercadorias no valor de 1556 milhões de escudos (mais 68,2%) e importou bens cujo valor atingiu 13 421 milhões de escudos (mais 5,0%).

A Europa continuou a ser o principal cliente de Cabo Verde, absorvendo cerca de 90,2% do total das exportações, com a Espanha em primeiro lugar, a absorver 65% das vendas cabo-verdianas ao exterior, a que se segue Portugal com 20,1%.

A Europa foi igualmente o principal fornecedor do arquipélago, com 82,2% do total, surgindo no primeiro lugar da lista Portugal, com 41,7%, a que se seguem os Países Baixos e Espanha, com 19% e 7,2%, respectivamente. (macauhub/CV)

MACAUHUB FRENCH