Banco de Exportações e Importações da China empresta 170 milhões de dólares a Angola

12 May 2014

O Banco de Exportações e Importações (ExIm) da China vai conceder 170 milhões de dólares em empréstimos a Angola para a realização de três projectos, nos termos de um acordo assinado em Luanda.

Assinado pelo ministro angolano das Finanças, Armando Manuel, e pelo vice-presidente do banco chinês, Yuan Xingyong, o montante destina-se a ser aplicado no aproveitamento hidroeléctrico de Chiumbe-dala e subestação do Luena, na província do Moxico, o projecto agro-industrial do Cuimba, província do Zaire, e o Instituto de Formação de Gestão Económica e Comercial dos Países Africanos de Língua Portuguesa (PALOP), cuja sede ficará no Lubango (província da Huíla).

O governo de Angola e o Banco de Exportações e Importações da China já assinaram vários protocolos desde 2004, tendo os financiamentos para projectos angolanos atingido até à data 10 mil milhões de dólares.

O acordo entre a instituição bancária chinesa e o governo angolano surge na altura em que o primeiro-ministro da China, Li Keqiang, anunciou a doação de 180 milhões de yuans para apoiar o desenvolvimento de Angola. (macauhub/AO/CN)

MACAUHUB FRENCH