Empresas de Angola interessadas em privatizações de Cabo Verde

6 June 2014

O programa de privatizações em curso em Cabo Verde está a suscitar interesse em Angola, afirmou quinta-feira em Luanda o primeiro-ministro cabo-verdiano, José Maria Neves, na declaração final após uma visita de 24 horas a Angola.

“Existe disponibilidade do governo de Angola em apoiar as empresas que queiram investir e participar neste processo em Cabo Verde e nós estamos muito interessados em ver empresas angolanas a participar no programa de privatizações”, disse o primeiro-ministro cabo-verdiano.

As privatizações das principais empresas públicas cabo-verdianas, que envolve os transportes aéreos (TACV), energia (Electra) e os portos (Enapor), foram temas abordados com os responsáveis angolanos, bem como acordos ao nível político e diplomático.

Esta visita, disse José Maria Neves, visou “elevar o nível das relações” entre os dois países, nomeadamente ao nível da “dinâmica económico-empresarial.”

Nesse sentido, prosseguiu, foram analisados futuros acordos a estabelecer entre Cabo Verde e Angola para a protecção de investimentos, sobre dupla tributação e da mobilidade de pessoas, nomeadamente de empresários.

“Há alguns acordos já assinados mas Angola tem de adaptar alguma da sua legislação à nova Constituição para poder assinar e concluir esses acordos com Cabo Verde”, assumiu o primeiro-ministro, sem adiantar prazos para encerrar esta negociação. (macauhub/AO/CV)

MACAUHUB FRENCH