Economia de Angola deverá crescer 5,3% em 2014

9 June 2014

A economia de Angola deverá ter crescido apenas 4,5% em 2013 e acelerar para 5,3% em 2014, de acordo com o mais recente relatório do gabinete de estudos económicos e financeiros do banco português BPI sobre o país.

“De acordo com as nossas contas, antecipamos que o crescimento de Angola tenha chegado a 4,5%, ligeiramente mais elevado do que as estimativas do Fundo Monetário Internacional mas mais reduzido do que a previsão inicial de 7,1% do governo angolano, devendo acelerar para 5,3% em “2014, lê-se no documento com o título “Rumo à Diversificação Económica.”

A dependência económica do petróleo, que representa praticamente metade da economia, é referência constante ao longo de todo o relatório citado pela agência noticiosa Lusa, que tem até um capítulo especial sobre este sector.

Os números preliminares apresentados pelo FMI sobre as contas do Estado em 2013 mostraram um défice das contas públicas de 1,5% no ano passado, “pela primeira vez desde 2009, marcando o regresso ao défice após três anos com excedentes que foram, em média, de 5,7% do PIB”, segundo o relatório.

Há, conclui o documento, vários factores que explicam esta melhoria face ao défice de 3,8% inicialmente previsto pelas autoridades, nomeadamente o preço do petróleo, significativamente mais alto do que o estimado pelas autoridades, que compensou uma produção de petróleo ligeiramente mais baixa do que o previsto – 630 milhões de barris em vez de 673 milhões de barris. (macauhub/AO)

MACAUHUB FRENCH