Guiné-Bissau e União Europeia reactivam acordo de pescas

17 July 2014

A comissária europeia das Pescas, Maria Damanaki, e o novo primeiro-ministro da Guiné-Bissau, Domingos Simões Pereira, acordaram reactivar o acordo de pesca assinado em 2012, que não foi aplicado devido aos problemas políticos no país africano.

O acordo de pesca entre a União Europeia (UE) e a Guiné-Bissau não chegou a entrar em vigor devido aos problemas resultantes de um golpe de estado na Guiné-Bissau, em Abril de 2012.

As duas partes acordaram agora reactivar o procedimento de ratificação do protocolo que tem uma duração de três anos.

A pesca é uma das actividade económicas mais  importantes para a Guiné-Bissau e interessa aos armadores da UE que operam nas águas territoriais guineenses  para pescar atum, camarão, polvo e lulas( macauhub/GW)

MACAUHUB FRENCH