Taxa de electrificação de Angola cresce para 60% até 2025

27 August 2014

A taxa de electrificação de Angola deverá atingir 60% até 2025, praticamente o dobro dos 33% actuais, de acordo com previsões terça-feira divulgadas no final do IV Conselho Consultivo Alargado do Ministério da Energia e Águas.

O comunicado saído da reunião realizada na província de Malanje informa estar previsto um aumento da potência actualmente instalada de 2 gigawatts para 9,9 gigawatts em 2025, com um nível de redundância suficiente para garantir os anos mais secos.

De acordo com as previsões de um estudo em fase de elaboração, estima-se que daquele total 3,2 gigawatts sejam instalados com a participação do sector privado, sendo que o pico máximo actual de 1,5 gigawatts atingirá 7,2 gigawatts na data referida, devido ao aumento do consumo per capita dos actuais 450 quilowatts/hora para 1450 quilowatts/hora.

Para as energias renováveis prevê-se a execução de projectos com uma capacidade de 800 megawatts, com destaque para a biomassa com 500 megawatts, energia solar com 100 megawatts, energia eólica com 100 megawatts e mini-hídricas com uma capacidade total a instalar de 100 megawatts.

As linhas de transporte deverão passar dos actuais 2850 quilómetros para 15 600 quilómetros até 2025 em linhas de 60 quilovolts, 220 quilovolts e 400 quilovolts.

O comunicado adianta que para a realização do projecto Angola Energia 2025 serão necessários investimentos estimados em 20 mil milhões de dólares no período entre 2017 e 2025, sendo o investimento privado fundamental para a concretização de projectos. (macauhub/AO)

MACAUHUB FRENCH