Portuguesa COBA executa empreendimentos hidroeléctricos em Angola

27 August 2014

A empresa portuguesa COBA – Consultores de Engenharia e Ambiente vai elaborar estudos e projectos de execução para o alargamento e reforço de dois empreendimentos hidroeléctricos em Angola, de acordo com os despachos de autorização dos contratos.

Os dois despachos presidenciais citados pela agência noticiosa Lusa justificam a aprovação destes contratos, com um valor global superior a 10 milhões de euros, com as “previsões de crescimento na procura de electricidade em Angola e com o plano de desenvolvimento do sistema eléctrico nacional.”

O mais avultado dos dois contratos de prestação de serviços a assinar com a COBA, no valor de 9,9 milhões de dólares, diz respeito ao aproveitamento hidroeléctrico de Lauchimo, na província de Lunda Norte, e contempla a elaboração do projecto de execução daquele empreendimento, assistência técnica, aprovação de projectos dos equipamentos electromecânicos e eléctricos, entre outros serviços.

Nesta obra de reforço de potência, que deverá prolongar-se por 37 meses, a portuguesa Efacec já anunciou este ano ter sido subcontratada para fornecer equipamentos para esta construção, no valor de 83 milhões de dólares.

A segunda empreitada, no valor de 3,4 milhões de dólares, prevê a elaboração de estudos de viabilidade técnico-económica e ambiental, projectos-base e processo de concurso para construção do aproveitamento hidroeléctrico de Chicapa II, na província de Lunda Sul.

A Coba é uma empresa de consultoria que desenvolve estudos e projectos e assegura assistência na gestão e supervisão da construção de empreendimentos no domínio do armazenamento e utilização da água para produção de energia, para abastecimento público de água potável bem como de sistemas de drenagem de águas pluviais e do saneamento e tratamento das águas residuais. (macauhub/AO/PT)

MACAUHUB FRENCH