Governo de São Tomé e Príncipe lança concurso internacional para recuperar casas coloniais

28 August 2014

O governo de São Tomé e Príncipe vai lançar um concurso público internacional para recuperar as casas de traçado colonial das antigas roças de café e de cacau, anunciou quarta-feira em São Tomé o primeiro-ministro.

Através desse concurso, o governo “pretende preservar o aspecto arquitectónico dessas casas coloniais e permitir, em simultâneo, que haja o desenvolvimento do turismo rural e ecológico”, disse Gabriel Costa, na sessão de encerramento da Semana Nacional do Turismo.

Em São Tomé e Príncipe ainda existem mais de três dezenas de casas e hospitais nas antigas roças de cacau e café, património todo construído durante a época colonial, que terminou com a independência do país, em 1975.

Em 1989, no âmbito de um Programa de Ajustamento Estrutural, imposto pelo Fundo Monetário Internacional e financiado pelo Banco Mundial, o governo de São Tomé e Príncipe executou um programa de reforma fundiária e privatizou as 14 empresas agrícolas do país, retalhando as suas terras.

As casas mantiveram-se na propriedade do Estado mas, na ausência de manutenção, foram-se degradando. (macauhub/ST)

MACAUHUB FRENCH