Rio Cuanza, em Angola, com mais cinco aproveitamentos hidroeléctricos

8 September 2014

O governo pretende mandar construir mais cinco aproveitamentos hidroeléctricos ao abrigo do programa nacional de aproveitamento das potencialidades do curso médio do rio Cuanza, disse o director do Gabinete de Aproveitamento do Médio Cuanza (Gamek).

Elias Estêvão disse ainda que além das barragens hidroeléctricas de Capanda, de Laúca (em construção) e de Cambambe (que beneficia de obras de modernização), está igualmente prevista a construção de mais cinco barragens no curso médio daquele rio, tendo sido já efectuados estudos visando a execução das mesmas.

O director do Gamek disse também à agência noticiosa Angop que com a conclusão da todos aqueles empreendimentos, o Médio Cuanza passará a produzir cerca de 7 mil megawatts de energia eléctrica.

Dos projectos já em curso, a barragem de Laúca deverá entrar em funcionamento em 2017 vai produzir 2070 mW de energia, passando a constituir o maior complexo hidroeléctrico de Angola, superando as barragens de Cambambe (970 mW) e Capanda (520 mW).

A construção do aproveitamento hidroeléctrico de Laúca foi adjudicada à empresa brasileira Odebrecht, sob supervisão de duas empresas especializadas em construção de barragens. (macauhub/AO)

MACAUHUB FRENCH