Banco Mundial defende novo modelo turístico para Cabo Verde

24 September 2014

Cabo Verde deve abandonar o actual modelo de estância turística existente no arquipélago, defende um estudo do Banco Mundial que irá ser apresentado num encontro a ter lugar sexta-feira e sábado na ilha do Sal, de acordo com o jornal cabo-verdiano A Semana.

O estudo afirma que o modelo actualmente em vigor, conhecido como “all inclusive”, em que os turistas têm tudo o que necessitam no interior das estâncias turísticas em que passam férias, acrescenta muito pouco à economia real e à cadeia de valor que deve sustentar o desenvolvimento de um país turístico como Cabo Verde.

No encontro organizado pelos ministérios das Finanças e do Turismo, em parceria com o Banco Mundial, que encerra no dia em que se comemora o Dia Internacional do Turismo, 27 de Setembro, participam especialistas internacionais e representantes dos sectores público e privado.

O jornal escreve também que os responsáveis do Ministério das Finanças entendem que agora é o momento certo para analisar o caminho percorrido por Cabo Verde nos últimos anos e perspectivar novas ideias e soluções. (macauhub/CV)

MACAUHUB FRENCH